Fechar
Operações Ecoeficientes

CENTRAL DE INDICADORES

Operações Ecoeficientes

Assegurar nível de excelência na gestão ambiental das operações, reduzindo o consumo de energia, de água e de geração de resíduos. Planejar e implementar estratégias voltadas à transição para uma economia de baixo carbono.

Introdução

Introdução

Dentro de Operações Ecoeficientes, traçamos metas cujos temas estão voltados para emissões de gases de efeito estufa (GEE), resíduos, energia e conformidade. Para cada um desses temas, possuímos uma série de iniciativas que nos apoiarão a superar as metas estabelecidas.

Para reduzir as nossas emissões de GEE, temos, atualmente, estudos em andamento, entre eles a substituição de tecnologias e análise de combustíveis alternativos aos derivados de petróleo.

Desde 2021, adquirimos o certificado International REC Standard de energia renovável pela Votorantim Energia, que é a forma mais confiável para comprovar e rastrear o consumo de energia elétrica proveniente de fontes renováveis, seguindo padrões internacionais.

Temos atuado fortemente em reduzir o envio de resíduos para aterro, com melhoria das atividades de segregação em nossos terminais, bem como intensificação de reciclagem e compostagem.

Além disso, realizamos sistematicamente o acompanhamento das nossas principais fontes de captação de água, bem como a destinação de resíduos. Atualmente, nossa maior captação é proveniente de empresas terceiras de saneamento, contudo estamos estruturando e ampliando a captação de água de chuva em nossos terminais. 

Principais projetos
  • Migração para o mercado livre de energia, com uso de energia eólica, e a aquisição de certificados internacionais de energia renovável (I-REC), garantindo que nossa energia é proveniente de fontes renováveis.
  • Implantação gradual de sistemas de captação de água de chuva nos terminais, aumentando nosso potencial de reduzir o consumo de água nova.
  • Investimentos em Segurança e Integridade de Ativos, prevenindo vazamentos e contaminações de solo e água.
  • Ampliação e melhoria dos processos de segregação, reutilização e reciclagem de resíduos.
  • Em estudo, projetos de redução das nossas emissões de escopo 1.

Metas - Operações Ecoeficientes

  2020 2021 2022 2025 2030
Reduzir em 80% as emissões de escopo 1 (diretas) até 2030 unid.: tonelada de CO2e 10.715,2 5.814,4 8.164,9 - 2.143,0
Manter o uso de 100% de energia elétrica renovável e certificada unid.: percentual 5% 100% 100% 100% 100%
Aterro zero: não destinar resíduos perigosos e não perigosos para aterro, por meio de soluções mais sustentáveis¹ unid.: percentual 99% 75% 49% 10% 0
Zerar os vazamentos com risco de contaminação de solo e água unid.: percentual 0 1 0 0 0

1 Exceto para resíduos regulados por legislação que obriga a destinação para aterros

Indicadores – Emissões de Gases de Efeito Estufa​

GRI 305-01 | GRI 305-02 | GRI 305-03 | GRI 305-04 | SASB EM-RM-110a.1

Indicador 2020 2021 2022 2023
t1 t2 t3 t4
Emissões diretas (Escopo 1) de gases de efeito estufa (GEE) unid.: tonelada de CO2e 10.715,2 5.814,4 8.173,1 2444,4 2602,3 1987 1653,72
Emissões indiretas (Escopo 2) de GEE provenientes da aquisição de energia unid.: tonelada de CO2e 569 1.358 514 138,8 74,6 103,3 85,92
Outras emissões indiretas (Escopo 3) de GEE unid.: tonelada de CO2e 739 1.019 43.115 - - - -
Intensidade de emissões de GEE sobre movimentação – Escopo 1 e 2  unid.: tonelada de CO2e por tonelada movimentada 0,0017 0,0011 0,0012 0,0015 0,0014 0,0011 0,0009

Indicadores – Resíduos

GRI 306-03 | GRI 306-04 | GRI 306-05 | SASB EM-RM-150a.1

Indicador 2020 2021 2022 2023
t1 t2 t3 t4
Aterro zero para resíduos perigosos e não perigosos unid.: percentual 63% 75% 50% 51% 53% 45% 15%
Resíduos perigosos gerados  unid.: tonelada 1.376 625 396 165,11 134,63 140,26 346,07
Resíduos perigosos destinados para disposição final  unid.: tonelada 209 344 192 98,56 69,43 53,95 308,93
Resíduos perigosos não destinados para disposição final  unid.: tonelada 1.167 281 204 66,55 65,23 86,31 37,14
Resíduos não perigosos gerados  unid.: tonelada 2.436 2.716 2.353 372,85 366,28 503,27 1581,82
Resíduos não perigosos não destinados para disposição final  unid.: tonelada 10 202 983 100,78 103,3 212,97 1298,31
Resíduos não perigosos destinados para disposição final. unid.: tonelada 2.426 2.514 1.370 272,07 262,98 290,1 283,51

Indicadores – Água

GRI 303-03 | SASB EM-RM-140a.1, a.2

Indicador 2020 2021 2022 2023
t1 t2 t3 t4
Intensidade hídrica unid.: metros cúbicos por tonelada movimentada 0,009 0,015 0,009 0,011 0,010 0,008 0,009
Captação total de água unid.: metros cúbicos 63.723,3 98.349,6 74.573,8 17.865,9 18606,9 14372,96 15528,96
Captação em zonas de estresse hídrico de linha de base alto ou extremamente alto unid.: metros cúbicos 0 0 0 0 0 0 0
Descarte em zonas de estresse hídrico de linha de base alto ou extremamente alto unid.: metros cúbicos 0 0 0 0 0 0 0
Captação de água pluvial unid.: metros cúbicos 42 29.313 2.930 101,18 3124,88 130,62 109,66
Captação de água de terceiros unid.: metros cúbicos 63.239 68.201 70.465 17.626 15.462,7 14.172,6 15399,3
Captação de água produzida (caminhão pipa) unid.: metros cúbicos 442 835 1.177 138,69 19,32 69,14 20

Indicadores – Conformidade

GRI 307-01 | SASB EM-RM-140a.2

Indicador 2020 2021 2022 2023
t1 t2 t3 t4
Número de incidentes de não conformidade associados a licenças, padrões e regulamentos de qualidade da água unid.: quantidade 0 1 0 0 0 0 0
Valor das multas significativas unid.: reais em milhar 0 518 0 0 0 0 0
Total de sanções não monetárias unid.: quantidade 0 0 0 0 0 0 0
Processos movidos por meio de mecanismos de arbitragem unid.: quantidade 0 0 0 0 0 0 0